Jornal de Poesia  Castro Alves Jornal de Poesia

Riviere Briton, 1840-1920, UK, Una e o leão

 

 

Atualizações & novidades:

 

Bom dia!

 

Depois de muitas idas e vindas, parece-me que encontrei o caminho.

O Jornal de Poesia pretende transformar-se no armazém: resgate e guarda de livros de poesia. Por exemplo, os livros do poeta Carlos Emílio Correia Lima, falecido agora em março de 2022, cadê os livros dele? Ninguém sabe, ninguém viu. O pior é que poetas ainda viventes — nem se iludam, todos morreremos! —, o livro esgota-se, o cabra não sabe do último e, em pouco tempo, nem ele saberá de si. Primeira tarefa, conseguir os livros todos do Carlos Emílio, formar o dossiê Carlos Emílio. Também atualizar o dossiê do poeta José Alcides Pinto. (Quatro livros de Carlos Emílio, é só clicar ).
Em suma, isto é um convite. 

 

 

Por favor, os antigos endereços de e-mail, todos vencidos. Utilize apenas este:

 

jornaldepoesia@gmail.com

Escreva para o editor

  1. Três livros de inteiro teor do poeta Dimas Carvalho Muniz

  2. Abrindo a página do poeta Luciano Lanzillotti  

  3. Passagem Secreta, inteiro teor, poeta José Sá Earp

  4. Livros de Irineu Volpato

  5. Seis livros do poeta Ascendino Leite

  6. Livros de inteiro teor do poeta Juarez Leitão

  7. Poeta Antonio Aílton, um pequeno bloco de poemas

  8. Vários livros de inteiro teor do poeta Anderson Braga Horta

  9. Posfácio, DEUS E OUTROS QUARENTA PROBLEMAS, de W. J. Solha

  10. História de um livro, Psi, a Penúltima (nada a ver com psicologia)

  11. Livros de inteiro teor do poeta W. J. Solha

  12. Fedro, o lobo, o patriarca e o papa? Inocentes. O cordeiro? Culpado

  13. Marcio Catunda, livros, o mais recente: PARIS E SEUS POETAS VISIONÁRIOS

  14. Aleilton Fonseca, A TERRA EM PANDEMIA

  15. Dois livros de inteiro teor, do poeta Salomão Sousa

  16. Osvaldo Chaves, inteiro teor do seu livro EXÍGUAS

  17. Rubenio Marcelo, ENCHENTE DA VIDA, de parceria com o também poeta Moacir Lacerda

  18. Rearrumada geral na página do poeta Virgilio Maia, com a inclusão de quatro livros de inteiro teor

  19. Dos livros comprados nos sebos, aparece-nos cada surpresa!

  20. Atualização das páginas do poeta Dimas Macedo

  21. Uma geral na page do poeta Majela Colares

  22. Atualização da página de Donizete Galvão

  23. Atualização da página de Carlos Felipe Moisés e inclusão de três livros de poesia e ensaio, em inteiro teor

  24. Solivan Brugnara, dois livros de poesia em inteiro teor

  25. Aristides Dornas Jr, ESTES FRACOS POEMAS e MINEIRO ADÂMICO

  26. VIRGÍLIO E OS CANTADORES, seis ensaios do poeta Mauro Mendes, inclusive a demonstração de que o mosquito de não não sei quantas doenças, verdadeira cobra-de-asas, é "aèdes", trissílabo, e não "èdes" como seria imaginável da pronúncia latina de "ae" igual a "e"; já o segundo vocábulo, "aegypti", com "a" minúsculo, pronuncia-se "egypti"; o "p" não é mudo. Em suma, um bicho perigoso até no nome, erros cometidos também por dicionaristas famosos

  27. Atualização da página de Clevane Pessoa

  28. Alguma atualização na page de Valdir Rocha, arte e poesia

  29. CD de poesia do poeta Sérgio de Castro Pinto

  30. Atualização da página do poeta José Nêumanne Pinto: o seu CD de poesia

  31. Alguma notícia do poeta Milton Rezende

  32. Revisitando uma entrevista sobre Poesia ao poeta Carlos Augusto Viana, comentário de Nei Duclós

  33. Wagner Lemos comenta A UM PASSO DO ESQUECIMENTO, de Gizelda Morais.

  34. EDSON GUEDES DE MORAIS, Livro de Arte & Poesia, edição restrita de 30 exemplares.

  35. Alguns quadros do poeta António José de Oliveira

  36. José Castello escreve: ESCUTEM SEU NOME

  37. Floriano Martins & Valdir Rocha: arte da palavra; a arte do traço, livro de inteiro teor, O SOL E AS SOMBRAS 

  38. Alguma notícia do poeta Dalton Miranda

  39. Última viagem do poeta Artur Eduardo Benevides

  40. Do poeta Elmar Carvalho, ROSA DOS VENTOS GERAIS

  41. Livro de inteiro teor: Miguel Carneiro: ESCONSOS E OUTRAS HISTÓRIAS

Jornal de Poesia, editor Soares Feitosa
Edna Menezes   Vera Queiroz

 

 

Muito mais de não sei quantos mil poetas, contistas e críticos de literatura. Clique na 1ª letra do prenome:

 

A

B

C

 

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

Q

R

S

T

U

V

W

 

X

Y

Z

 

 

   Veja mais:

 

email Escreva para o editor email

Aviso sobre pendências

John William Godward (British, 1861-1922), Belleza Pompeiana, detail   Riviere Briton, 1840-1920, UK, Una e o leão

 

O jornal de Poesia é hospedado na rede mundial de computadores pela SecreNet

SecrelNet

Jean Léon Gérôme (French, 1824-1904), Morte de César, detalhe

 

Um aviso sobre pendências

 

 

Poeta!

Regra geral, nunca deixo email algum sem resposta. Contudo, tenho enfrentado uma verdadeira praga de vírus, formatação de computadores e outras aflições. Pior, ando velho, cansado, esquecido e zonzo. E estes males, com o tempo, apenas pioram: mais velho, mais cansado, mais zonzo.  

Vivo em falta com Deus e o mundo. Por favor, não se acanhe de cobrar resposta. Creia-me, o nível de cordialidade deste operador é até bastante alto. Desculpe-me as falhas.

Quando me reescrever, por favor repita o email anterior. Fica tudo mais fácil para relembrar. Há outro problema: os livros remetidos para cá, mas não vem o email. Fico aqui doidim para responder, mas o e-mail, cadê o email?

O endereço postal, aquele do correio — o carteiro, uma braçada de cartas debaixo do braço, tocando a campainha, o cachorro pega-não-pega — por favor, mande o endereço postal. É valioso ter o endereço postal: o email, a gente o desativa por conta dos vírus; ficam os leitores (e editoras!) indagando-me sobre o poeta; eu, com a cara para cima, igual a marido, sem saber de nada. (E o pessoal do Nobel, se vierem procurá-lo, o que direi?). Os meus, email e endereço postal, logo abaixo. Escreva-me. Será um prazer receber e responder.

Por favor, não me mande cartões-web: ando assombrado com cartões-vírus. Uma mensagem amiga? Mande-ma direto no email. E tenha muito cuidado com cartões, que a maioria é mesmo de vírus e trojans; melhor não abri-los.

Ascendino LeiteE, finalmente, nada de caixas-postais! Detesto-as, com justas razões. Um grande amigo convidou-me para um peixe à beira-rio (barrancas do São Francisco, Petrolina, de crepúsculo, cerveja bem gelada, veja só!), mas quando lá cheguei, era uma caixa-postal. Aqui lhe conto o desassossego de comer um peixe dentro de uma caixa-postal. Clique na foto do poeta Ascendino Leite e veja como foi a presepada.

                        

                   Com o abraço,

                                 Soares Feitosa, o editor

 

Ah, em tempo:

Atualizando o endereço:  

 

Soares Feitosa - Jornal de Poesia 

Av. Dom Luiz, 500, Torre do Shopping Aldeota,

19º andar, sala 1910,

Praça Portugal,

60160-196, Fortaleza, Ceará, Brasil

WhatsApp +55 85 98225.5061

 

 Escreva para o editor

 

Franz Xaver Winterhalter. Portrait of Mme. Rimsky-Korsakova, detail
Jorge Tufic   Luís Antonio Cajazeira Ramos

Mais de 3.000 poetas e críticos de lusofonia!

 

Soares Feitosa, o editor; propaganda enganosa, foto de uns 14 anos!